Workshop debaterá Novo Marco Legal da Ciência, Tecnologia e Inovação e o Financiamento da Pesquisa
1 de junho de 2018
“Nosso objetivo é encher esses corredores de gente que quer aprender”, afirma Kássio Gomes
4 de junho de 2018
Mostrar todos

Livreiros do Salipi apostam em livros e apostilas direcionados para o Enem

Quem se prepara para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) certamente foca em muita leitura. Tanto no estudo de conteúdo didático como para distração, os livros são parceiros fundamentais para quem vai encarar o vestibular.

No Salão do Livro do Piauí (Salipi), os estandes registram procura por livros direcionados para a prova. O Salão teve início nesta sexta (1º) e segue até o dia 10 de junho no espaço Rosa dos Ventos, na Universidade Federal do Piauí, em Teresina.

A livreira Socorro Macedo já participa do Salão do Livro do Piauí há vários anos e contou que estudantes de ensino médio procuram tanto por livros de dicas, como por material direcionado às disciplinas. “Existe procura tanto por estes livros mais voltados para dicas e resumos do Enem, como livros de literatura estrangeira, literatura nacional, que é um conteúdo que cai nas provas”, explicou.

A 16ª edição do Salipi conta com dezenas de estandes de livrarias e com uma programação que atende a todos os gostos. Neste sábado (2) iniciou a programação do Seminário Língua Viva, com discussões de temas que estão na mira de quem se prepara para o Enem.

O espaço ‘De olho no Enem’ também vai auxiliar estudantes que estão se preparando para o Exame Nacional do Ensino Médio, com conteúdos didáticos e dicas para a prova. O professor Luiz Romero, organizador do evento, contou que o espaço vai abordar prioritariamente a redação, que gera sempre interesse em muitos alunos.

“Nós teremos a parte da tarde destinada àqueles que estão a procura de conhecer mais sobre a temática do Enem, principalmente a questão da redação. Teremos a presença de professores que chegam até o Salão, planilhamos todos, e haverá material gratuito para todos os alunos”, explicou.

Salipi ajudou na formação de quem hoje é universitário

Os livros e as atividades do Salipi ajudaram na formação do universitário João Gabriel Ferreira, da Universidade Federal do Ceará. Ele visitou a feira acompanhado de sua mãe, Maria Linduina Gonçalvez, que fez questão de reconhecer o Salão como pilar fundamental na formação do filho.

Seminário Língua Viva contou com palestra da professora Danny Barradas (Foto: Roberto Araujo/G1)

“Desde quando o João Gabriel era pequeno eu trazia ele para o Salipi. Fiz várias compras de livros, o levava para participar das oficinas, palestras, atividades lúdicas. O Salipi fez parte da formação dele. Então hoje, mesmo ele estudando fora, fiz questão de trazer ele hoje aqui”, disse a mãe.

Estudante de Engenharia da Computação, João Gabriel falou que foi fazer o curso universitário no Ceará porque não tinha em nenhuma instituição no Piauí. Ele reconheceu o Salão como fundamental para a sua formação e fez compras de livros.

“Eu vim fazer uma passada rápida, porque tenho que voltar, mas tive que dar uma olhada nos livros. Aqui é muito bom porque tem várias opções sobre temas diferentes e os preços são baixos, então é muito bom”, reconheceu.

G1 PI